José Luís Lunas Marins, 20 anos, conhecido como “Luan” e que residia em São Manuel Daniel Ramos, de 22 anos

O jovem botucatuense Daniel Ramos, de 22 anos, foi o único sobrevivente de um grave acidente que terminou com uma grande tragédia e três vítimas fatais no KM 115 da Rodovia Jorge Hilário Spuri, em Reginópolis na madrugada do último sábado. Segundo a Polícia Militar Rodoviária de Bauru, Ricardo Quim Velozo Fontes, 35 anos, conduzia uma Nissan Frontier, com placas de Pirajuí, e teria perdido o controle da direção por motivos a serem investigados, colidido contra uma placa de sinalização e capotado. O veículo seguia em direção a Pirajuí.

O motorista e dois passageiros, José Luís Lunas Marins, 20 anos, conhecido como “Luan” e que residia em São Manuel e Rodrigo Gonçalves Pinheiro, 26, morreram na hora. Outro ocupante da caminhonete era o botucatuense Daniel Ramos, que teve ferimentos leves e foi encaminhado ao Pronto-Socorro de Pirajuí por uma ambulância do próprio município.

Já Ricardo Quim Velozo Fontes era casado e deixa um filho. Ele chegou a ser candidato a vice-prefeito de Reginópolis. A cidade foi tomada pela comoção por conta da tragédia, que também separou Rodrigo do gêmeo Rodolfo e dos pais. Os três foram velados na igreja Matriz da cidade, que anunciou os óbitos, conforme ainda é tradição. O sepultamento de José Luís e Rodrigo aconteceu na manhã deste domingo, no Cemitério Municipal. Já o corpo de Ricardo será cremado em Bauru.

Com informações JC Net

Últimas Notícias : Pages : FM Integração